Conheça a Tarifa Branca e saiba como você pode reduzir a sua conta de energia em até 20%*

0
857

Na minha primeira coluna, vamos conversar um pouco sobre alternativas de redução na conta de energia. Falarei sobre a normativa 733/2016, normativa esta, que entrou em vigor em janeiro de 2018 e vem sendo pouco difundido entre os consumidores. Neste primeiro texto, elenquei as principais perguntas e dúvidas dos consumidores.

O que é a Tarifa Branca?
A Tarifa Branca é uma nova opção tarifária que sinaliza aos clientes a variação do valor da energia conforme o dia e o horário do consumo. Ela é oferecida para as unidades consumidoras que são atendidas em baixa tensão. Com a Tarifa Branca, o cliente passa a ter possibilidade de pagar valores diferentes em função da hora e do dia da semana.

Em quais situações é vantajoso a migração para a Tarifa Branca? Antes de optar pela Tarifa Branca, é preciso fazer uma análise dos hábitos de utilização e consumo da energia elétrica ao longo do dia.

Para os clientes residenciais, os aparelhos elétricos que mais contribuem com o consumo de energia são os chuveiros elétricos e os equipamentos como ar-condicionado, aquecedores e ferro de passar. Por apresentarem um elevado consumo de energia, em comparação com os demais eletrodomésticos, a possibilidade de utilizá-los nos períodos de fora de ponta será fundamental para definir se a adesão à Tarifa Branca. Na dúvida, consulte um especialista.

Como solicitar a adesão à Tarifa Branca?
A adesão será feita nas agências de atendimento do Grupo CPFL Energia, onde os clientes poderão contar com o apoio dos atendentes para tirar dúvidas e realizar sua adesão de forma consciente.

Existe um valor para a adesão?
Não há custo para adesão. Entretanto é de responsabilidade do cliente a adequação de seu padrão de medição conforme novos padrões da distribuidora para a instalação dos medidores para esta tarifa.

 

Quando posso aderir?
Como foi regulamentado na Resolução Normativa nº 733/2016, a adesão poderá ser solicitada a partir de 1º de janeiro de 2018. Contudo, existe um cronograma de preferência, de modo a priorizar as solicitações com as seguintes características:

• 1º de janeiro de 2018, para novas ligações e para unidades consumidoras com média anual de consumo mensal superior a 500 kW/h*;

• 1º de janeiro de 2019 para unidades consumidoras com média anual de consumo mensal superior a 250 kW/h*;

• 1º de janeiro de 2020 para todas as unidades consumidoras*.

*Com exceção dos clientes baixa renda e iluminação pública

Como saber quando optar pela Tarifa Branca?
A Tarifa Branca é a melhor opção para clientes atendidos em baixa tensão que tenham ou que possam ter grande parte de seu consumo concentrado nos períodos fora de ponta, lembrando que, em finais de semana e feriados nacionais oficiais, todas as horas do dia são consideradas fora de ponta.

Comparada com a Tarifa Convencional, a Tarifa Branca pode resultar em redução na conta de luz dos clientes na medida em que houver possibilidade de deslocar o consumo de energia elétrica do período de ponta para o de fora de ponta (dependendo da relação entre os valores da Tarifa Branca fora de ponta e o valor da Tarifa Convencional).

Se optar pela Tarifa Branca, o cliente tem que ser disciplinado no gerenciamento de seu consumo, pois o horário de utilização da energia é fundamental para a economia na conta de luz. Caso não consiga evitar o consumo no horário de ponta, a adesão à Tarifa Branca pode resultar em uma conta maior: nessa situação, é mais vantajoso continuar na Tarifa Convencional. Na dúvida, consulte um especialista.

Se mudar de ideia, como é o processo para voltar ao modelo anterior de tarifa?
O retorno à Tarifa Convencional poderá ocorrer a qualquer tempo, devendo ser atendido pela distribuidora em até 30 dias. Após o retorno à Convencional, uma nova adesão à Tarifa Branca só será possível após o prazo de 180 dias.

 

Jader Alan Britzke
Engenheiro Eletricista
Crea RS159569
(55)999862288
http://www.britzkeengenharia.com.br

Apoiadores:
COMPARTILHAR
Artigo anteriorProprietário procura bike furtada em Santa Rosa
Próximo artigoRei do Guincho – Auto Socorro 24 Horas
Jader Alan Britzke
Meu nome é Jader Alan Britzke, sou da geração de 88 natural de Porto Lucena e que em 2005 finquei minhas raízes em Santa Rosa, deixando o bairrismo de lado, melhor cidade do mundo para se morar. Me formei Técnico em eletrotécnica em 2008 e no curso de Engenharia Elétrica em 2014. Passo a maior parte do meu dia, dedicado a engenharia e aos meus negócios. Sou gremista de coração e gaúcho de corpo e alma. Sou pai da Alana, meu maior presente e meu maior orgulho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui